AO VIVO

Verão Amazônico promete alta nas temperaturas e na conta de luz; confira dicas para economizar

Verão Amazônico promete alta nas temperaturas e na conta de luz; confira dicas para economizar
Reportagem: João Felipe Serrão

Sim, ele voltou! Aquele que é o mais temido pelos manauaras: o verão amazônico. Período esse que o calor fica ainda mais intenso na região entre julho e outubro.

Neste mês aquela típica expressão “um sol para cada amazonense” fica mais evidente. E o suor não vem só pelo calor, mas também para pagar a conta de energia. (Ouça)

Quem fala é a estudante Thayná Lima. Ela, como milhares de amazonenses, recorre aos eletroeletrônicos para tentar fugir da quentura, como diz o caboco.

Esse uso mais frequente de equipamentos como ventilador, ar condicionado e geladeira, sem os devidos cuidados, pode pesar no fim do mês, quando a conta chega.

Mas tem quem adote algumas práticas para economizar energia, como a comerciante Elenita Leandro. Ela compartilha algumas dicas. (Ouça)

Deu pra anotar aí?

Então se prepara porque vem mais.

A BandNews Difusora conversou com a representante da Amazonas Energia, Gabrielle Stoco, que deu mais dicas de consumo consciente.

No verão amazônico, um dos melhores amigos, e, ao mesmo tempo, inimigo do amazonense, é o ar condicionado. De acordo com Gabrielle, dá para usar o aparelho de forma econômica. (Ouça)

Sabe aquela prática comum de deixar a roupa secando atrás da geladeira? Nem pensar!

Até a posição dos eletrodomésticos pode impactar no valor da conta de energia. (Ouça)

Selo procel é aquela carinha sorridente nas cores vermelha, preta e amarela, no formato de lâmpada, que estampa os eletroeletrônicos.

Os equipamentos com selo A são os mais econômicos. Escolhendo eles, a carinha sorridente pode ser a sua, ouvinte, com a conta mais baixa no final do mês.

Ah, outra dica importante é sobre a ligação elétrica nas casas. De acordo com Gabrielle Stoco, uma fiação antiga representa mais gasto com energia. (Ouça)

A previsão é que o verão amazônico dure até meados de outubro.

Enquanto isso, vale a pena seguir as dicas para um consumo consciente para que alta mesmo só fique a temperatura, e não a conta de energia.

Últimas Notícias