Siga nossas redes sociais

Projeto leva cinema amazonense para comunidades ribeirinhas de Manaus

por carlao

Reportagem: Eros de Sousa. 

As comunidades ribeirinhas de Manaus vão ser palco do projeto Cine Beiradão, que traz o cinema amazonense para zonas rurais do estado.

Serão quatro comunidades da Reserva de Desenvolvimento Sustentável do Tupé, que está à margem esquerda do rio Negro, distante 25km da capital.

O projeto é idealizado pela cineasta Ana Lígia Pimentel e pelo produtor e guia de turismo Lucas Passos. O principal objetivo é exibir longas e curtas de cineastas nortistas.

A primeira exibição será feita na Comunidade do Livramento, no próximo sábado (4). A idealizadora do projeto, Ana Lígia Pimentel, explicou que essas comunidades só são acessíveis por meio fluvial. (Ouça)

O acesso aos cinemas em Manaus são concentradas em shopping centers e costumam ter valores altos. O que dificulta o acesso para comunidades mais periféricas da capital.

A Cineasta explica que o projeto ganha mais importância, principalmente pelas barreiras físicas e sociais que existem nessas comunidades. (Ouça)

A iniciativa foi inclusive contemplada pela Lei Paulo Gustavo. Além dos filmes, cestas básicas e brindes serão sorteados para o público presente no local.

O Cine Beiradão vai acontecer no primeiro sábado de cada mês.

Da redação.

Curta e compartilhe!

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram

Assine nossa newsletter

Receba uma seleção de notícias feitas pelos nosso editores. De segunda a sexta-feira, sempre bem cedinho!

Últimas Notícias

plugins premium WordPress