Mais de 100 pessoas trabalham este domingo (17), na busca do paraquedista, de 33 anos, que está desaparecido desde sexta-feira (15), em Manaus.

Ao todo, 14 paraquedistas faziam um salto, quando um forte temporal caiu na capital atrapalhou a descida. Dois paraquedistas conseguiram pousar em terra firme e dois foram jogados no Rio Negro. Desses, uma mulher foi encontrada sem vida no sábado.

(Foto: CBMAM/Reprodução)

Em coletiva de imprensa realizada neste domingo, o comandante do Corpo de Bombeiros do Amazonas, Orleison Muniz, não descartou a possibilidade de que o paraquedista seja encontrado com vida.

O comandante também disse que aumentou o raio de buscas tanto por água, como por terra, mas que a chuva tem atrapalhado os trabalhos. (Ouça)

Muniz também pediu apoio da população na busca pelo paraquedista desaparecido. (Ouça)

Por determinação do Governo do Estado, foi ativado o gabinete de crise, na sede do Centro Integrado de Comando e Controle (CICC), para intensificar as buscas.

Da redação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *