Cheia do rio Negro dificulta ação em obra emergencial no centro de Manaus

Subida do rio Negro impede ação emergencial em cratera no centro de Manaus

Segue sem tempo conclusão o trabalho para fechamento de uma cratera que se abriu no cruzamento da Avenida Sete de Setembro e Avenida Eduardo Ribeiro, no centro de Manaus.

De acordo com a Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminf), se trata da antiga galeria dos ingleses que rompeu, causando o afundamento de um trecho da via.

(Foto: Reprodução/Internet)

O local está totalmente inundado por causa da subida do Rio Negro.

A solução vem a médio prazo, pois o nível das águas impossibilita temporariamente o serviço.

Segundo a Seminf, ações estão sendo programadas e estudadas com muita urgência pelos técnicos da pasta, pois a área é de grande fluxo.

Da redação