Siga nossas redes sociais

AM tem 11 pesquisadores na lista de cientistas mais influentes do mundo

por Clara Toledo Serafini

 

Reportagem: Rebeca Beatriz

Com pesquisas sobre a temática Amazônia, a inovação e o meio ambiente, onze pesquisadores do Amazonas compõem a lista dos cientistas mais influentes do mundo.

Dez deles fazem parte do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia, o Inpa, e uma das cientistas é da Universidade Federal do Amazonas, a Ufam.

Os pesquisadores são citados no novo ranking da área de ecologia e evolução da plataforma acadêmica internacional Research.com.

Para o pesquisador do Inpa, Carlos Alberto Quesada, ser citado como um dos cientistas mais influentes é resultado de um trabalho em conjunto. (Ouça)

O levantamento é feito com base em publicações, prêmios e número de vezes em que um pesquisador é citado em outros trabalhos.

Segundo a diretora do Inpa, doutora Antônia Franco, o ranking mostra que a Amazônia produz ciência e tem dado bons frutos, o que, para ela, é gratificante. (Ouça)

O primeiro lugar na lista é do cientista Philip Fearnside, estadunidense radicado em Manaus, vencedor do prêmio Nobel da Paz de 2007. Ele se destaca no estudo de Mudanças Climáticas e pesquisas sobre o aquecimento global.

Além dele, compõem a lista: Niro Higuchi, Maria Teresa Piedade, Ana Andrade, William Magnusson, Jansen Zuanon, Albertina Lima, Jochen Schongart, Carlos Alberto Quesada e Izeni Pires Farias, todos fazendo ciência e ecologia no Amazonas.

 

Curta e compartilhe!

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram

Assine nossa newsletter

Receba uma seleção de notícias feitas pelos nosso editores. De segunda a sexta-feira, sempre bem cedinho!

Últimas Notícias

plugins premium WordPress