Siga nossas redes sociais

Voos ilegais na Terra Indígena Yanomami continuam a abastecer garimpo diariamente

por Clara Toledo Serafini

Os voos ilegais na Terra Indígena Yanomami (TIY) continuam ocorrendo diariamente e são o principal apoio logístico para entrada de armas ou suprimentos, além da retirada de ouro e minérios extraídos no território.

A informação foi dada pelo diretor de Amazônia e Meio Ambiente da Polícia Federal (PF), Humberto Freire de Barros, um ano após o início de ações de emergência para conter a crise humanitária vivida pelas populações indígenas locais.

Além disso, ainda existem cerca de 40 pistas de pouso que servem ao garimpo e que não foram desativadas.

O controle do espaço aéreo sobre o território é realizado pela Força Aérea Brasileira (FAB).

A Terra Indígena Yanomami é a mais extensa do país e é, inclusive, maior do que Portugal.

A população está estimada em cerca de 27 mil pessoas, segundo o Censo 2022 do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Da redação.

Curta e compartilhe!

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram

Assine nossa newsletter

Receba uma seleção de notícias feitas pelos nosso editores. De segunda a sexta-feira, sempre bem cedinho!

Últimas Notícias

plugins premium WordPress