Siga nossas redes sociais

Vereadores voltam a cobrar da Prefeitura a data-base de profissionais de saúde de Manaus

por Clara Toledo Serafini

 

Reportagem: Tawanne Costa

O reajuste da data-base de enfermeiros, técnicos e auxiliares em enfermagem, volta a pauta dos vereadores da Câmara Municipal de Manaus.

A categoria já havia feito manifestos na CMM cobrando o benefício de 6%.

A pauta foi debatida pelo vereador, Marcelo Serafim (PSB), durante a sessão dessa terça-feira. O parlamentar fez questionamentos ao executivo municipal quanto ao pagamento de somente 4,5%. (Ouça)

O presidente da Comissão de Saúde da CMM, vereador Elan Alencar, firmou o apoio a categoria e disse que a comissão irá intermediar a negociação do reajuste. (Ouça)

O líder do prefeito na CMM, Fransuá Mattos, disse que a Secretaria Municipal de Finanças – SEMEF, está aberta a uma nova negociação e vai analisar o pagamento adicional de 1,5%. (Ouça)

Antes do recesso parlamentar, a Casa Legislativa Municipal havia aprovado um requerimento de convocação do secretário municipal de Finanças (Semef), Clécio Andrade, para prestar esclarecimentos e dialogar com os servidores da saúde. O requerimento não foi mencionado.

Marcelo Serafim afirmou que está elaborando uma emenda parlamentar para o pagamento de 1,5% em janeiro de 2024.

A emenda deverá ser analisada pelos vereadores.

Curta e compartilhe!

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram

Assine nossa newsletter

Receba uma seleção de notícias feitas pelos nosso editores. De segunda a sexta-feira, sempre bem cedinho!

Últimas Notícias

plugins premium WordPress