Siga nossas redes sociais

Organização Meteorológica Mundial prevê 2024 ainda mais quente que este ano

por Clara Toledo Serafini

O ano de 2024 deve ser mais quente que 2023 devido à permanência do fenômeno El Niño até abril do próximo ano. A informação foi divulgada pela Organização Meteorológica Mundial (OMM) nesta terça-feira (8).

Em atualização regular, a organização disse que o El Niño, que normalmente sem mantém entre nove e 12 meses, “contribuirá para o aumento ainda maior das temperaturas tanto na superfície da terra quanto nos oceanos”.

O fenômeno climático, que retornou após quatro anos, está diretamente ligado ao agravamento da seca no norte do país e as enchentes no sul.

Conforme o relatório da OMM, o El Niño tem impacto na temperatura global especialmente no ano seguinte ao seu desenvolvimento, nesse caso em 2024.

Como resultado das temperaturas recordes da superfície e dos oceanos desde junho, 2023 deverá ser o ano mais quente já registrado, mas a previsão é de que o próximo será ainda mais quente.

De acordo com a OMM, o El Niño deste ano se desenvolveu rapidamente entre julho e agosto, atingiu força moderada em setembro e deverá atingir o seu pico entre novembro e janeiro.

Da redação

Curta e compartilhe!

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram

Assine nossa newsletter

Receba uma seleção de notícias feitas pelos nosso editores. De segunda a sexta-feira, sempre bem cedinho!

Últimas Notícias

plugins premium WordPress