Mais de 700 mulheres receberam alta médica de câncer de mama no AM em quatro anos

Mais de 700 mulheres receberam alta médica de câncer de mama no AM em quatro anos

Nos últimos quatro anos 751 mulheres com câncer de mama receberam alta médica após tratamento realizado na Fundação Centro de Controle de Oncologia do Amazonas (Fcecon).

Apenas no primeiro semestre de 2021, 72 mulheres tiveram altas médicas concedidas. Os dados fazem parte de levantamento da fundação, que é vinculada à Secretaria de Estado de Saúde (SES).

Foto: Reprodução/Secom

Segundo a gerente do serviço de Mastologia, Hilka Espírito Santo, 70% das mulheres que iniciam o tratamento contra o câncer de mama obtêm a cura após os cinco anos. (ouça)

De acordo com a médica 30% das pacientes, dependendo do tamanho e tipo do tumor, podem apresentar retorno do tumor. (ouça)

Durante a segunda onda de Covid-19, para garantir o tratamento e a possibilidade de cura, a FCECON encaminhou 22 mulheres para realizar cirurgias no Hospital de Câncer, no Rio de Janeiro (RJ). Os envios foram uma parceria entre a Força Aérea Brasileira (FAB), Governo do Estado, SES-AM, FCecon, Governo Federal e Inca.

Outubro Rosa

O mês de outubro traz o alerta para a doença. O diagnóstico precoce garante mais chances de efetividade e sucesso no tratamento das mulheres com o câncer de mama. A doença não tem uma causa única. Há diversas causas externas presentes no meio ambiente, e internas, como hormônios, condições imunológicas e mutações genéticas.

Reportagem: Ricardo Chaves