Siga nossas redes sociais

Governo Federal vai construir dois novos campi de institutos federais no AM

por Clara Toledo Serafini

Com salários de até R$ 9 mil, Ifam prorroga prazo de inscrições para concurso

 

Por Ricardo Chaves

O Amazonas será contemplado com a construção de dois novos campi de Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia.

O Governo Federal anunciou nesta terça-feira, 12, que irá construir 100 novos campi até o final de 2026.

As novas unidades serão construídas nos municípios de Manicoré e Santo Antônio do Içá.

Na região norte serão construídas 12 novas unidades, distribuídas além do Amazonas, em Rondônia, Tocantins, Acre, Amapá, Roraima e Pará.

O anúncio ocorreu em cerimônia realizada no Palácio do Planalto que reuniu ministros, políticos e reitores de todo o país.

De acordo com o ministro da Educação, Camilo Santana (PSB), a iniciativa cria 140 mil novas vagas, a maioria em cursos técnicos integrados ao ensino médio: (Ouça)

Durante o evento, o presidente Lula (PT) chegou a anunciar uma meta ousada e afirmou no discurso que quer chegar a mil campi de institutos federais – serão 702 com os anunciados nesta terça: (Ouça)

O coordenador-geral de Políticas Educacionais para a Juventude do MEC, Yann Evanovick, falou sobre a importância da construção de duas unidades técnicas no interior do estado: (Ouça)

De acordo com o governo federal, a expansão é para aumentar a oferta de vagas na educação profissional e tecnológica (EPT) e criar oportunidades para jovens e adultos, especialmente os mais vulneráveis.

Os campi serão construídos com um investimento total de R$ 3,9 bilhões, por meio do Novo PAC, e será direcionado para obras, sendo R$ 2,5 bilhões destinados à criação de novos campi e R$ 1,4 bilhão para a consolidação de unidades já existentes, abrangendo a construção de refeitórios, ginásios, bibliotecas, salas de aula e aquisição de equipamentos.

No que diz respeito à distribuição geográfica, o Nordeste lidera com 38 novos campi, seguido pelo Sudeste com 27, Sul com 13, Norte com 12, e Centro-Oeste com 10.

São Paulo é o estado mais beneficiado, com 12 novos campi, seguido por Minas Gerais e Bahia com oito municípios cada. Pernambuco, Ceará e Rio de Janeiro contam com seis, enquanto Paraná, Rio Grande do Sul e Pará terão cinco novos campi cada.

Curta e compartilhe!

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram

Assine nossa newsletter

Receba uma seleção de notícias feitas pelos nosso editores. De segunda a sexta-feira, sempre bem cedinho!

Últimas Notícias

plugins premium WordPress