Fazenda tem venda de gado suspensa por causa de desmatamento ilegal no interior do AM

Fazenda tem venda de gado suspensa por causa de desmatamento ilegal no interior do AM

Após desmatar mais de seis hectares, a Fazenda Arizona, localizada em Boca do Acre, interior do Amazonas, foi autuada pelo Ministério Público Federal (MPF). A informação foi divulgada na última quinta-feira (12/05).

(Foto: Divulgação/Ascom MPF)

A fazenda se comprometeu a recuperar a área desmatada para voltar a comercializar gado depois de assinar um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC).

A atuação do MPF ocorreu no Programa Carne Legal, que monitora a origem do gado comercializado no país. O programa restringe a venda de produtos que têm origem nas em que são identificados desmatamento, trabalho escravo ou que são ocupadas ilegalmente.

A Fazenda Arizona, pertence ao empresário Cândido José Braga Barcelos, e tem cerca de 1.500 hectares de extensão. As atividades foram suspensas na área desmatada, com o objetivo de impedir mais danos ao meio ambiente, além de ser considerada inapta para o fornecimento de gado.

Todo mês de junho de cada ano, a fazenda deve apresentar um relatório técnico de monitoramento que comprove a recuperação da área. O termo tem a validade de cinco anos.

Da redação