Siga nossas redes sociais

Exército estuda envio de 3 mil militares para a Terra Indígena Yanomami

por carlao

O Exército Brasileiro estuda enviar 3 mil militares para a Terra Indígena Yanomami de forma permanente.

O território está localizado nos estados de Roraima e Amazonas.

O estudo foi uma determinação do comandante do Exército, general Tomás Paiva, após informações sobre a necessidade de ações contínuas no território, conforme publicou a Folha de São Paulo.

O número representaria um aumento de quase 10% de militares na região amazônica.

No último dia 9 de janeiro, o Governo Federal decidiu tornar permanentes as ações de combate ao garimpo ilegal na Terra Indígena Yanomami.

Na ocasião o governo anunciou investimento de R$1,2 bilhão em saúde e segurança dos Yanomami e a criação da “Casa do Governo” em Roraima, que concentrará os órgãos federais, como Funai, IBAMA, Polícia Federal e Forças Armadas em um único local.

Da redação

Curta e compartilhe!

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram

Assine nossa newsletter

Receba uma seleção de notícias feitas pelos nosso editores. De segunda a sexta-feira, sempre bem cedinho!

Últimas Notícias

plugins premium WordPress