Siga nossas redes sociais

Cidades do AM não vão aderir à paralisação de serviços públicos por queda de repasses do FPM

por Clara Toledo Serafini

As cidades do Amazonas não vão aderir à paralisação dos serviços públicos marcada para o próximo dia 30 de agosto contra a redução de repasses do Fundo de Participação dos Municípios.

De acordo com a Associação Amazonense de Municípios, as quedas nos repasses dificultam a organização das contas e a execução de projetos e ações em benefício da população, no entanto, parar as atividades não vai sensibilizar o Poder Executivo Federal e Estadual.

Até o momento, 60% dos municípios brasileiros anunciaram que irão parar as atividades.

A chamada marcha “Sem FPM não dá, as Prefeituras vão parar” tem o objetivo de cobrar do Governo Federal o compromisso de aumentar repasses às administrações municipais que sofrem com as oscilações negativas do Fundo de Participação dos Municípios.

A paralisação não incluirá os serviços essenciais prestados pelas prefeituras.

Da redação

Curta e compartilhe!

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram

Assine nossa newsletter

Receba uma seleção de notícias feitas pelos nosso editores. De segunda a sexta-feira, sempre bem cedinho!

Últimas Notícias

plugins premium WordPress