Siga nossas redes sociais

Cabos eleitorais denunciam falta de pagamento por trabalho realizado em campanhas no AM

Muita gente espera a época de campanhas para trabalhar como cabo eleitoral.

por Clara Toledo Serafini

Cabos eleitorais denunciam falta de pagamento por trabalho realizado em campanhas no AM
Reportagem: Gabrielle Moura

Muita gente espera a época de campanhas para trabalhar como cabo eleitoral. Os chamados “bicos”, ajudando candidatos a fazer bandeiraço, distribuindo santinhos e agendando reunião na campanha são oportunidade pra incrementar o orçamento.

Mas muitas pessoas estão frustradas em 2022 porque afirmam estar trabalhando sem receber o valor que foi acordado em contrato. Até mesmo candidatos denunciam que não têm recebido verba dos partidos políticos.

Uma ouvinte que pede para não ser identificada conta que foi chamada para trabalhar com um candidato a deputado estadual pelo Avante em Manaus.

Ela conta que várias pessoas assim como ela foram prejudicadas por não receber pagamento. (Ouça)

Outra situação também é relatada, dessa vez por candidatos do Partido da Mobilização Nacional, o PMN.

Eles falam não estão recebendo o repasse financeiro do partido nacional para investir em campanha como organização de comitês, comícios, entre outros. Eles não quiseram gravar entrevista.

Para a correta utilização dos recursos eleitorais arrecadados em campanha para as Eleições 2022, candidatos e partidos políticos devem respeitar os parâmetros e limites estabelecidos pela Resolução do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

De acordo com o artigo 35, podem ser justificados gastos direcionados a serviços e produtos relativos à campanhas, como confecção de material impresso, propagandas, aluguel de locais, etc.

A colunista de política da BandNews Difusora FM, Rosiene Carvalho, explica que a falta de verba acontece em quase todo o país. (Ouça)

Procurado, o Avante, disse que é inverídica a informação sobre o não pagamento ou o atraso do pagamento de funcionários da campanha e reitera o compromisso de um trabalho sério e de responsabilidade com cada contratado para este pleito. Segundo os ouvintes, o pagamento foi feito pelo partido na última terça-feira (13).

Já em nota o Diretório Nacional do PMN, disse que o repasse financeiros de campanha está sendo feito de acordo com cada cidade e sendo analisada a documentação dos candidatos para receber o valor.

O PMN afirma ainda que recebeu uma verba razoável de repasse financeiro que deve ser enviado de forma consciente nas próximas semanas.

O TRE orienta que as pessoas que não estão recebendo podem entrar em contato pelo numero (92) 3632-4400.

Curta e compartilhe!

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram

Assine nossa newsletter

Receba uma seleção de notícias feitas pelos nosso editores. De segunda a sexta-feira, sempre bem cedinho!

Últimas Notícias

plugins premium WordPress