Amazonas tem recorde histórico de desmatamento em maio

O desmatamento no Amazonas em maio deste ano bate recorde mensal na série histórica do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe).

Até o dia 28, o estado tinha 289 quilômetros quadrados com alertas de desflorestação, um aumento de quase 59% em relação ao mesmo mês do ano passado e 62% maior que o registrado em abril de 2021.

Lábrea, Apuí, Humaitá e Canutama, no sul do estado, lideram o ranking de municípios que mais desmataram.

Segundo o Observatório do Clima os dados de maio são preocupantes, porque o mês marca o início da estação seca, quando a devastação se intensifica em grande parte da Amazônia. Ouça:

Reportagem: Cindy Lopes
Foto: Reprodução

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email