AM fecha janeiro com 45% mais casos e 25 vezes menos mortes por Covid

AM fecha janeiro com 45% mais casos e 25 vezes menos mortes por Covid

Reportagem: Cindy Lopes

O Amazonas fechou o mês de janeiro com 96 mil novos casos de Covid-19, número 45% maior que o registrado em janeiro do ano passado, quando foram contabilizados 65.800 diagnósticos. Apesar do avanço de casos em janeiro de 2022, a quantidade de óbitos registrada foi 25 vezes menor que no mesmo período do ano passado.

A vacinação é tida como uma das maiores medidas de prevenção contra a Covid-19. (Foto: Divulgação/Herick Pereira/Secom)

O levantamento foi feito pela BandNews Difusora com base nos dados da Fundação de Vigilância em Saúde.

Em Manaus, 114 mortes ocorreram em janeiro deste ano, com grande parte da população vacinada. Já no no primeiro mês de 2021, foram 2.800 mortes.

No início de 2021, o estado enfrentava o pior período da pandemia com uma explosão de infecções, internações e mortes pelo coronavírus. Naquele período, a campanha de vacinação ainda estava começando.

O epidemiologista da Fiocruz, Jesem Orellana, alerta que ainda estamos longe de metas consideradas razoáveis e que se faz necessária a manutenção das medidas preventivas. (Ouça)

O diretor-técnico da FVS, Daniel Barros, reforça a importância de a população continuar com a proteção individual e coletiva, tendo em vista os vírus respiratórios no período de intensas chuvas. (Ouça)

Entre os 453 pacientes internados em Manaus, 172 não são vacinados, 162 têm esquema vacinal incompleto e 109 têm o esquema completo. Segundo o vacinômetro da FVS, considerando a população contemplada, a cobertura vacinal no estado é de 74%.