Sucesso mundial, carisma e amor pela música marcam trajetória do ícone amazonense Zezinho Corrêa

O dia 6 de fevereiro ficará marcado como o dia em que o Amazonas perdeu uma das maiores estrelas.

José Maria Nunes Corrêa, mais conhecido como Zezinho Corrêa, faleceu aos 69 anos, após uma intensa luta contra a Covid-19.

Desses 69 anos, quatro décadas foram dedicadas à arte. O cantor marcou seu nome na história da música amazonense como líder do grupo Carrapicho. Ouça:

 

Reportagem: João Felipe Serrão
Foto: Reprodução/Arquivo Pessoal

compartilhe

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on print
Share on email