Siga nossas redes sociais

PF pede que suspeito de mandar matar Bruno e Dom seja transferido para presídio de segurança máxima

Polícia Federal pede à Justiça do Amazonas que Rubens Villar, conhecido como

Polícia Federal pede à Justiça do Amazonas que Rubens Villar, conhecido como “Colômbia“, seja transferido para um presídio de segurança máxima.

“Colômbia” é suspeito de ser mandante dos assassinatos do indigenista Bruno Pereira e do jornalista britânico Dom Phillips, crimes cometidos em junho, na região da Terra Indígena Vale do Javari, no oeste do Amazonas.

A PF considera que ele oferece risco de fuga e é necessário que fique preso para não atrapalhar as investigações.

Na última terça-feira (20), “Colômbia” foi preso novamente na capital amazonense. Ele havia sido solto após pagar uma fiança de R$ 15 mil, em outubro, mas segundo a Justiça, descumpriu critérios para a liberdade provisória.

Da redação

Curta e compartilhe!

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram

Assine nossa newsletter

Receba uma seleção de notícias feitas pelos nosso editores. De segunda a sexta-feira, sempre bem cedinho!

Últimas Notícias

plugins premium WordPress