A Polícia Federal desarticula esquema de venda de planos de saúde sem registro no Amazonas.

Estão sendo cumpridos 21 mandados de busca e apreensão, 7 mandados de prisão, bem como o sequestro e indisponibilidade de bens no valor de R$ 87 milhões.

A Operação Tesouro Oculto mobiliza 100 policiais federais e tem o objetivo de combater crimes de lavagem de dinheiro, sonegação fiscal, organização criminosa, fraude à execução e uso de documento falso.

Conforme a PF, a investigação começou em 2019 e apurou um esquema de criação de empresas fraudulentas, por meio de organização criminosa, que fazia a utilização de “laranjas” (sem ciência da sua condição de participante na ação) e de “testas de ferro” (com ciência da participação).

Da redação.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *