Siga nossas redes sociais

Ministério Público Eleitoral pede que TRE rejeite recursos de Silas Câmara e confirme cassação

por carlao

O Ministério Público Eleitoral (MPE) solicitou que o Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas (TRE-AM) rejeite os recursos contra o acordão que cassou o mandato do deputado federal Silas Câmara (Republicanos) por gastos ilícitos na campanha de 2022.

Os “embargos de declaração” estavam prontos para serem levados ao plenário nesta semana, mas foram retirados de pauta pelo relator, juiz Pedro Araújo Ribeiro, na última sexta-feira (8), após o MPE contestar os argumentos apresentados por Silas e pelo Republicanos.

ONTEM (13), Pedro determinou a inclusão do processo na sessão da próxima terça-feira (19).

O mandato de Silas foi cassado por quatro votos a dois em julgamento realizado no dia 31 de janeiro deste ano.

O Tribunal ordenou a anulação dos votos de Silas e o recálculo dos quocientes eleitoral e partidário.

Com isso, o Republicanos perde o número de votos necessário para disputar as vagas de sobra eleitoral e o deputado Adail Filho também perde o mandato.

As vagas ficarão com o União Brasil e PL e devem ser assumidas por Delegado Pablo e Alfredo Nascimento.

Da redação.

Curta e compartilhe!

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram

Assine nossa newsletter

Receba uma seleção de notícias feitas pelos nosso editores. De segunda a sexta-feira, sempre bem cedinho!

Últimas Notícias

plugins premium WordPress