A Justiça Eleitoral mantém decisão que impede o ex-prefeito de Humaitá, Herivaneo Seixas, de concorrer as eleições até 2028.

Os membros do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-AM) rejeitaram, nesta quinta-feira (22), por maioria de votos, dois recursos apresentados pelo ex-gestor que tinham o objetivo de anular a SENTENÇA anterior que o tornou inelegível por oito anos, a contar de 2020.

Herivaneo Seixas foi condenado em uma Ação de Investigação Judicial Eleitoral (Aije) pela
prática de abuso dos meios de comunicação social nas eleições de 2020.

Conforme o Ministério Público Eleitoral, Herivanio usou as redes sociais, servidores públicos e recursos públicos para promover sua reeleição.

Nos autos, o ex-prefeito negou as acusações.

Da redação.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *