Reportagem: Victor Litaiff.

No Amazonas, no primeiro semestre de 2024, foram registrados 213 casos de Hepatites, com 27 mortes pela doença. Os dados são da Fundação de Vigilância em Saúde, a FVS.

A Hepatite do Tipo B foi a mais frequente, com 132 casos, seguido da Hepatite C, com 61 casos, a do Tipo D, com 13, e a Hepatite A, com 7 casos.

O maior número de mortes pela doença foi causado pela Hepatite do tipo C, com 12 mortes confirmadas.

Vacinas para os tipos A e B estão disponíveis de forma gratuita nas Unidades Básicas de Saúde (UBSs), mas Ainda não existem imunizantes contra os tipos C, D e E.

Alguns cuidados devem ser tomados para evitar a doença.

A coordenadora do Programa Estadual de Hepatites Virais no Amazonas, Vanieli Cappellesso, fala da diferença entre os tipos.(Ouça)

A manicure Daniela Oliveira relata que é fundamental a esterilização do material que ela utiliza. São procedimentos como esse que ajudam a evitar doenças, inclusive um tipo da hepatite.(Ouça)

Vanieli Cappellesso, da saúde estadual, explica alguns sintomas e o que fazer para se prevenir.(Ouça)

Não há casos registrados de hepatite E no Amazonas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *