O presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas, Desembargador João Simões, sofre ameaças do empresário Durango Duarte, proprietário do instituto de pesquisa Perspectiva Mercado e Opinião. As falas, com palavras de baixo calão e em tom ameaçador, constam em áudios vazados de uma conversa do empresário.

Na conversa, Durango se refere a uma reunião convocada pelo magistrado, marcada para o dia 17 de julho, com empresas de pesquisa eleitoral para falar sobre a integridade do processo em 2024.

O empresário chega a fazer ameças de que fará o presidente do TRE-AM passar vergonha:

 

Em outro áudio, Durango também se exalta e acusa, sem provas, o TRE de irregularidades:

 

Após a repercussão, Durango Duarte publicou um pedido de desculpas ao desembargador João Simões.

Ele disse que as palavras foram ditas em “indignação momentânea” e no “calor do momento”.

Segundo o TRE, a reunião irá discutir e reforçar a confiança nos estudos eleitorais registrados na Corte Eleitoral.

Da redação.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *