Distrito tem atividades paralizadas devido à falta de oxigênio em Manaus

Algumas empresas do Distrito Industrial de Manaus, que utilizam o oxigênio nas linhas de produção, estão com as atividades paralisadas.

O presidente do Centro das Indústrias do Amazonas (CIEAM), Wilson Périco, informou à reportagem da BandNews Difusora FM, que a alta demanda por oxigênio fez as duas fornecedoras chegarem ao limite de operação.

Segundo ele, as empresas do Polo Industrial doaram de seus estoques mais de 40 MIL metros cúbicos de oxigênio:

A produção de oxigênio para os hospitais e indústrias é realizada pela Carbox e White Martins.

Segundo Périco, as poucas indústrias que ainda estão atividade podem parar a qualquer momento. Ele comentou sobre a requisição administrativa do Governo do Amazonas para a doação de eventual estoque ou produção de oxigênio de 17 indústrias:

Na indústria, o oxigênio é utilizado para atividades como a soldagem e corte de matérias que compõem condicionadores de ar e duas rodas.

A medida tomada pela Secretaria de Estado de Saúde do Amazonas (SES), nessa quinta-feira (14), visa garantir a assistência de pacientes, após as principais fornecedoras do insumo não suportarem a demanda das redes pública e privada do estado, que passou a ser cinco vezes maior nos últimos 15 dias.

Da redação
Foto: Divulgação/White Martins

compartilhe

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on print
Share on email