Siga nossas redes sociais

Caso Bruno e Dom: Defesa pede absolvição de réu por falta de provas

por Clara Toledo Serafini

DPU e MPF pedem indenização de R$ 50 milhões após mortes de Bruno e Dom

Defesa recorre e pede absolvição total de Oseney da Costa Oliveira, o “Dos Santos” alegando falta de provas de participação dele nos assassinatos de Bruno Pereira e Dom Phillips.

Os advogados também voltaram a pedir a impronúncia dos réus, ou seja, que eles não sejam levados a júri popular.

Conforme a Defesa, apesar de Oseney ter ido até o local dos assassinatos, não há prova de que ele tenha atentado contra a vida das vítimas. Os advogados também insistem no argumento de legítima defesa, apesar dos laudos da Polícia Federal apontarem que Bruno foi atingido primeiro pelas cotas.

No processo Oseney responde pelas mortes de Bruno e Dom junto com Amarildo da Costa Oliveira (conhecido como “Pelado”) e Jefferson da Silva Lima (“Pelado da Dinha).

O juiz original do caso ainda não se manifestou sobre o pedido.

Lembrando que na última sexta-feira (22) a Polícia Federal prendeu o segurança particular de um dos principais suspeitos do crime, Rubem Dario da Silva Villar, que é conhecido como “Colômbia”.

A prisão foi por flagrante de porte ilegal de arma de fogo, e ocorreu durante o cumprimento de um mandado de busca e apreensão na residência do investigado.

Da redação.

Curta e compartilhe!

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram

Assine nossa newsletter

Receba uma seleção de notícias feitas pelos nosso editores. De segunda a sexta-feira, sempre bem cedinho!

Últimas Notícias

plugins premium WordPress