Amazonas terá vacinação simultânea com outros estados do país, apesar de alta nos casos de Covid-19

O ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, não vai atender os pedidos de prioridade para o Amazonas na vacinação contra a Covid-19 feitos pelo prefeito de Manaus, David Almeida, e governador do estado, Wilson Lima.

O titular da pasta visitou o estado nessa segunda-feira (11) e disse que a imunização no país será simultânea.

O Amazonas vive uma segunda onda da pandemia da Covid-19, o que tem superlotado hospitais e aumentado o número de mortes. Veja:

Reportagem: Alex Ferreira
Foto: Reprodução/Secom

compartilhe

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on print
Share on email