Abandono e maus-tratos contra os animais ainda são problemas frequentes em Manaus

De janeiro a julho deste ano foram 293 ocorrências. No mesmo período do ano passado, foram 211 registros, segundo a Secretaria de Segurança Pública, SSP.

Segundo a lei, a prática de ferir ou mutilar animais silvestres, domésticos, nativos ou exóticos tem pena de 3 meses a 1 ano de prisão e multa, que pode aumentar se o animal morrer. Ouça:

Reportagem: Gabrielle Moura
Foto: Reprodução/iStock

compartilhe

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on print
Share on email