OAB moverá Ação Civil Pública por improbidade contra Ricardo Salles

A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) vai ingressar com uma Ação Civil Pública na Justiça Federal em Brasília contra o ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, até a semana que vem. A entidade entende que as declarações do ministro na reunião do dia 22 de abril, cujo vídeo foi divulgado pelo ministro Celso de Mello do Supremo Tribunal Federal (STF), evidenciam que ele está se desviando das obrigações constitucionais e legais relativas à pasta.

Em entrevista exclusiva à jornalista e colunista da BandNews FM Manaus, Rosiene Carvalho, o presidente nacional da OAB, Felipe Santa Cruz, afirmou que a atual política ambiental prejudica a imagem do Brasil no exterior.

“Nós estamos elaborando uma Ação de Improbidade. É seríssimo isso. A política do Século 18 tocada pelo ministro Salles não está destruindo apenas as nossas matas, mas a nossa imagem. Isso vai gerar campanha de boicote no mundo todo. A Europa já está discutindo isso em relação ao nosso agronegócio. É uma política ignorante que caminha no sentido contrário da humanidade do ponto de vista da conversação ambiental”, destaca.

Ouça a entrevista:

Moro

Felipe Santa Cruz comentou ainda a postura do ex-ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, durante a reunião ministerial e foi enfático: “Pecou por omissão”.

O presidente da OAB falou ainda sobre os ataques aos jornalistas em todo o país e o estado democrático de direito. O Ministério do Meio Ambiente não se manifestou sobre o assunto até o fechamento desta reportagem.

Da redação

Foto: Agência Brasil

compartilhe

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on print
Share on email