Operação fecha 23 estabelecimentos por descumprir decreto de prevenção ao coronavírus

Vinte e três empreendimentos, a maioria deles igrejas, que estavam descumprindo o decreto assinado pelo governador Wilson Lima, sobre a suspensão do funcionamento de bares, restaurantes e templos religiosos pelos próximos 15 dias, foram fechados pela Polícia Militar do Amazonas (PMAM) e pela Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS-AM), entre a noite deste sábado (21/03) e madrugada de domingo (22/03), em Manaus.

Durante as ações, os agentes de segurança entregaram uma cópia do decreto e aguardaram o fechamento dos espaços, até que todos os clientes efetuassem o pagamento do consumo.

O serviço emergencial 190 recebeu diversas denúncias. A partir delas, 23 espaços foram fechados pelas equipes da PMAM e da FVS-AM.

Dos espaços fechados, 11 eram igrejas ou templos religiosos. Foram cinco bares e três restaurantes. Houve também o fechamento de espaços como feiras e praças de alimentação.

Da redação com informações da assessoria

Foto: Reprodução/Semmas

compartilhe

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on print
Share on email