Mais seis réus do massacre do Compaj são interrogados

A interrogação dos acusados de participação na chacina ocorrida no dia 1º de Janeira deu prosseguimento na manhã de segunda-feira (7), no Complexo Penitenciário Anísio Jobim (Compaj).

De acordo com informações, seis réus foram ouvidos, em audiência, são eles: Darlison Felício Marães; Deivison Alfaia Nunes; Denilson Pereira Cruz; Devanir Ricardo Aires Nunes; Cristiano dos Santos de Oliveira e Cristian Silva de Souza.

Além deles, o processo conta com mais dois réus que estão em presídios federais e serão ouvidos por carta precatória, e de um réu que está foragido e outro que teve extinta a punibilidade porque consta na Ação Penal um atestado de óbito em nome dele.

A Ação Penal começou com 213 réus, porém, sete morreram durante a instrução e, agora, 206 respondem pela autoria de 56 homicídios qualificados seis tentativas de homicídios 46 vilipêndios de cadáveres, tortura em 26 vítimas e organização criminosa.

Ao todo 34 réus já foram interrogados nesta fase da Ação Penal, que deve prosseguir até o início de novembro.

Da redação

Foto: Reprodução/TJAM

compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on print
Share on email