Arthur volta a afirmar que casa foi invadida e espera que justiça seja feita no caso Flávio

Em visita à obra de restauro da Biblioteca Municipal João Bosco Evangelista, no Centro de Manaus, o prefeito Arthur Neto (PSDB) falou sobre a morte do engenheiro Flávio Rodrigues. Ele foi encontrado morto na segunda-feira (30) no bairro Tarumã após ir a uma festa na casa de Alejandro Valeiko, enteado do político.

O prefeito diz que não tem interesse em polemizar mais sobre o assunto. Ouça:

Da redação
Foto: Reprodução/Facebook

compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on print
Share on email