Mais de 80 detentos são identificados com tornozeleiras eletrônicas rompidas em Manaus

Segundo a Secretaria de Administração Penitenciária do Amazonas, cerca de 85 tornozeleiras eletrônicas são danificadas ou não localizadas de janeiro a julho deste ano em Manaus.

A SEAP contabiliza ainda 300 presos relacionados a diversos crimes mesmo sendo monitorados no Estado entre 2018 e 2019.

Na primeira operação, realizada em junho, deste ano, mais de 30 pessoas, com liberdade provisória e apenados do regime semiaberto, perderam o benefício e voltaram a cumprir pena no regime fechado. Ouça o boletim na íntegra:

Reportagem: Allan Viana
Foto: Reprodução/Internet

compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on print
Share on email