Decreto presidencial dos games prejudica Zona Franca de Manaus, diz economista

A medida do governo Bolsonaro que reduz o Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) incidente sobre consoles e máquinas de jogos de vídeo, os videogames prejudica a Zona Franca de Manaus (ZFM). A medida foi publicada ontem (14) no Diário Oficial da União (DOU).

A análise do economista e colunista da BandNews Difusora FM, Marcus Evangelista. De acordo com ele, o decreto presidencial tem o mesmo efeito para o polo industrial de Manaus da média que alterou o IPI dos concentrados ainda no governo Temer.

Ouça:

O presidente Jair Bolsonaro já tinha, na semana passada, antecipado que estava preparando um decreto para reduzir a carga tributária sobre jogos eletrônicos. As alíquotas foram reduzidas de 50% para 40%.

O Decreto trata ainda da redução do IPI para partes e acessórios de consoles e das máquinas de videogame. Nesse caso, a alíquota passa de 40% para 32%. Já para videogames com tela incorporada, portáteis ou não, o IPI cai de 20% para 16%.

Da redação com informações do UOL

compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on print
Share on email