Operação policial contra abuso e exploração sexual é deflagra na região do Marajó, no Pará

Durante a ação dos agentes de segurança 18 pessoas são presas. A operação Resgate Marajó investiga casos de abuso e exploração sexual na região da Ilha do Marajó.

As prisões ocorreram em diferentes cidades do Pará, todas próximas ao Arquipélago do Marajoara.

A ação foi batizada como “Resgate Marajó” em uma referência a complexidade que existe na apuracão dos casos de abuso e exploração sexual porque grande parte das ocorrências ocorrem por pessoas da própria família da vítima. Ouça o boletim na íntegra:

Reportagem: Alex Ferreira
Foto: Divulgação

compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on print
Share on email